Psicossociologia do Trabalho e das Organizações

70.00

Webstudy

REF: 11984 Categorias: ,
Partilhar

Descrição

Cada vez mais se tem procurado estudar e compreender as pessoas no seu local de trabalho, e de que forma as características de cada uma influenciam a própria organização e são influenciadas por esta.
Neste sentido, o presente curso pretende que os formandos sejam capazes de aplicar os métodos e técnicas de avaliação dos fatores psicossociais e reconhecer a importância da intervenção psicossocial no âmbito de alterações na organização do trabalho e no indivíduo como também, aplicar medidas preventivas que favoreçam o controlo do stress e do erro humano.


Idade Mínima: 0
Idade Máxima: 0
Situação:
Habilitações Mínimas:
Habilitações Específicas:


Adquirir conhecimentos e competências ao nível de Psicossociologia do Trabalho e das Organizações, tendo em vista o desenvolvimento pessoal e a melhoria dos contextos laborais.


Módulo I – Introdução à Psicossociologia do Trabalho
Aspetos Conceptuais da Psicossociologia do Trabalho
Variáveis Individuais Intervenientes no Estudo do Trabalho
Variáveis do Grupo Intervenientes no Estudo do Trabalho
Variáveis de Nível Organizacional no Estudo do Trabalho

Módulo II – Metodologia e Técnicas de Avaliação dos Fatores Psicossociais
Fatores de Risco Psicossociais no Local de Trabalho
. Conteúdo do Trabalho
. Carga e Ritmo de Trabalho
. Horário de Trabalho
. Controlo
. Ambiente e Equipamentos
. Cultura e Função Organizacional
. Relações Interpessoais no Trabalho
. Papel na Organização
. Desenvolvimento da Carreira
. Interação Trabalho-Casa
. Novas Formas de Contratação e Insegurança Laboral
. Intensificação do Trabalho
. Fortes Exigências Emocionais no Trabalho
Processo de Avaliação de Riscos
. Identificação dos Perigos e das Pessoas em Risco
. Avaliação e Prioritarização dos Riscos
. Decisão sobre Medidas Preventivas
. Adoção de Medidas
. Acompanhamento e Revisão
Diferentes Abordagens de Identificação dos Riscos
Diferentes Modelos e Metodologias de Medição
. Modelo Exigências – Autonomia
. Modelo Desequilíbrio – Esforço – Reconhecimento
. Outros Modelos
Copenhagen Psychosocial Questionnaire – COPSOQ

Módulo III – Intervenção Psicossocial
O trabalho
Características do trabalho
Vantagens e Desvantagens do Trabalho
Dimensões do Trabalho
Evolução do Trabalho
Implicações do Trabalho na Vida das Pessoas
Fatores Presentes no Trabalho
Mapa de Risco
Classificação dos Riscos
Etapas de Formação de um Mapa de Risco

Módulo IV – Stress Profissional e Erro humano
Conceito de Stress e Perpetivas Associadas
Tipos de Stress
Fases do Stress
Agentes Indutores do Stress
Sinais e Sintomas de Stress
Gestão de Stress nas Organizações
Stress Profissional e as suas Causas
Consequências (Negativas) do Stress no Trabalho
Medidas Preventivas
Técnicas de Controlo e Gestão do Stress Profissional
Técnicas de Autoproteção



4 – Formação a distância – E-learning (individual)


A avaliação do processo de formação baseia-se em três vertentes: avaliação diagnóstica (aquando do início do curso), avaliação formativa/contínua (durante o curso) e a avaliação sumativa (no final de cada módulo e/ou do curso).

A classificação final no curso resultará da média ponderada, numa escala de 20 pontos ou percentual (0 a 100%), das classificações parcelares tendo em conta os seguintes critérios e ponderações:

TF (Média simples dos testes finais relativos a cada módulo do curso e/ou trabalho final): 80%.
PS (Participação e contribuição individuais nas sessões síncronas e fóruns de discussão): 10%.
AS (Assiduidade nas sessões síncronas): 10%.


Todos os formandos que atingirem os objetivos pedagógicos definidos para o curso que frequentaram, obterão um Certificado de Formação Profissional que será emitido através da Plataforma SIGO (GEPE – Ministério da Educação), tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho. O Certificado será, posteriormente, enviado pelos CTT – Correios de Portugal, num prazo máximo de 30 dias úteis, após lançamento da nota do curso na pauta de avaliação final.


 

Partilhar