Sobredotação

90.00

Webstudy

REF: 11965 Categorias: ,
Partilhar

Descrição

O que sentem os pais de uma criança sobredotada? O que sente uma criança sobredotada? O que sente o professor de uma criança sobredotada? O que sentem os irmãos, a família, os colegas de escola, a sociedade? Sentirão alegria e orgulho ou, pelo contrário, medo e preocupação?
Estas são, apenas, algumas das questões que serão abordadas neste curso, cujo “target” principal é alargar conhecimentos, desfazer mitos e, de um modo particularmente objectivo e prático, compreender e saber lidar com as crianças sobredotadas, que se estimam ser em muito maior número das que estão, efectivamente, identificadas como tal, proporcionando-lhes um desenvolvimento harmonioso e feliz.


Idade Mínima: 0
Idade Máxima: 0
Situação:
Habilitações Mínimas:
Habilitações Específicas:


Este curso destina-se a profissionais ou estudantes de psicologia, professores, educadores de infância, pais conscientes e outros, que queiram ir mais além nos seus conhecimentos sobre crianças sobredotadas, que queiram saber como as podem identificar e q


Módulo I – Fundamentos Teóricos
Conceito de Sobredotação
Etiologia da Sobredotação
Prevalência da Sobredotação
Teoria e Modelos Explicativos
Características da criança sobredotada

Módulo II – Identificação e Avaliação de Crianças Sobredotadas
Áreas de Identificação
Modelos de Identificação
Procedimentos e Estratégias de Identificação
Instrumentos de Identificação
Dificuldades e Problemas na Identificação

Módulo III – Intervenção Educativa em Crianças Sobredotadas
Atendimento Escolar às crianças sobredotadas
Práticas Educativas na Sobredotação
– Adaptação e diferenciação curricular
– Aceleração escolar
– Agrupamento
– Enriquecimento
Articulação e Complementaridade das Práticas Educativas
O Problema da Intervenção Pedagógica

Módulo IV – Parentalidade e Sobredotação
O Papel da Família
Indicações Práticas para Pais de crianças sobredotadas



4 – Formação a distância – E-learning (individual)


A avaliação do processo de formação baseia-se em três vertentes: avaliação diagnóstica (aquando do início do curso), avaliação formativa/contínua (durante o curso) e a avaliação sumativa (no final de cada módulo e/ou do curso).

A classificação final no curso resultará da média ponderada, numa escala de 20 pontos ou percentual (0 a 100%), das classificações parcelares tendo em conta os seguintes critérios e ponderações:

TF (Média simples dos testes finais relativos a cada módulo do curso e/ou trabalho final): 80%.
PS (Participação e contribuição individuais nas sessões síncronas e fóruns de discussão): 10%.
AS (Assiduidade nas sessões síncronas): 10%.


Todos os formandos que atingirem os objetivos pedagógicos definidos para o curso que frequentaram, obterão um Certificado de Formação Profissional que será emitido através da Plataforma SIGO (GEPE – Ministério da Educação), tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho. O Certificado será, posteriormente, enviado pelos CTT – Correios de Portugal, num prazo máximo de 30 dias úteis, após lançamento da nota do curso na pauta de avaliação final.


 

Partilhar