Perturbações da Leitura e da Escrita

85.00

Webstudy

REF: 11897 Categorias: ,
Partilhar

Descrição

“O saber ler é uma das aprendizagens mais importantes, porque é a chave que permite o acesso a todos os outros saberes. A leitura e a escrita são formas do processamento linguístico. Aprender a ler, embora seja uma competência complexa, é relativamente fácil para a maioria das pessoas. Contudo um número significativo de pessoas, embora possuindo um nível de inteligência médio ou superior, manifesta dificuldades na sua aprendizagem. Até há poucos anos a origem desta dificuldade era desconhecida, era uma incapacidade invisível, um mistério, que gerou mitos e preconceitos estigmatizando as crianças, os jovens e os adultos que a não conseguiam ultrapassar.” (Teles, 2004)
Este curso pretende vir a ser um contributo para a avaliação diagnóstica e reeducação das crianças em risco ou com dificuldades na aquisição da leitura e da escrita.


Idade Mínima: 0
Idade Máxima: 0
Situação:
Habilitações Mínimas:
Habilitações Específicas:


Este curso pretende capacitar os formandos para a compreensão das perturbações da leitura e da escrita, fornecendo ferramentas teórico-práticas para a sua avaliação e intervenção.


Módulo I – Dificuldades de Aprendizagem/Perturbação da Aprendizagem Específica
Síntese Histórica
Definição de Dificuldades de Aprendizagem
Classificação das Dificuldades de Aprendizagem

Módulo II – Dislexia
História e Evolução do Conceito
Definição de Dislexia
Modelos Explicativos
Diagnóstico da Dislexia (Sinais de Alerta, Critérios de Diagnóstico e Tipologias)
Etiologia da Dislexia (Prevalência, Etiologia e Problemáticas emocionais associadas)
Avaliação da Dislexia
Intervenção Reeducativa

Módulo III – Disortografia, Discalculia e Disgrafia
Definição e Características associadas
Critérios de Diagnóstico e Avaliação
Intervenção e Reeducação

Módulo IV – Casos Práticos



4 – Formação a distância – E-learning (individual)


A avaliação do processo de formação baseia-se em três vertentes: avaliação diagnóstica (aquando do início do curso), avaliação formativa/contínua (durante o curso) e a avaliação sumativa (no final de cada módulo e/ou do curso).

A classificação final no curso resultará da média ponderada, numa escala de 20 pontos ou percentual (0 a 100%), das classificações parcelares tendo em conta os seguintes critérios e ponderações:

TF (Média simples dos testes finais relativos a cada módulo do curso e/ou trabalho final): 80%.
PS (Participação e contribuição individuais nas sessões síncronas e fóruns de discussão): 10%.
AS (Assiduidade nas sessões síncronas): 10%.


Todos os formandos que atingirem os objetivos pedagógicos definidos para o curso que frequentaram, obterão um Certificado de Formação Profissional que será emitido através da Plataforma SIGO (GEPE – Ministério da Educação), tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho. O Certificado será, posteriormente, enviado pelos CTT – Correios de Portugal, num prazo máximo de 30 dias úteis, após lançamento da nota do curso na pauta de avaliação final.


 

Partilhar