Educação da Criança em Creche

95.00

Webstudy

REF: 11896 Categorias: ,
Partilhar

Descrição

“(…) como tem sido organizado o quotidiano das crianças nas instituições de educação infantil? Em que medida as crianças pequenas participam das rotinas, alteram e transformam as regras, os tempos e espaços instituídos? Que espaços e tempos se abrem para as manifestações infantis, consideradas as diferenças que existem entre as crianças das diferentes faixas etárias da educação infantil? Os professores exercem uma escuta sensível e um olhar atento a essas manifestações? Quais são as práticas culturais que as crianças vivenciam nessas instituições? (…) O que as crianças produzem nas acções e interacções que ali ocorrem? (…)” (Corsino, 2009:10).

Estas questões pretendem incentivar para a reflexão da educação da criança em instituições educativas, podendo debruçar-se especificamente no contexto de creche, para desvendar este primeiro e importante momento da educação de bebés e crianças.
Vivendo numa época de mudança representada pela ânsia de viver expressada no desejo de levar a cabo projectos e sonhos, vemo-nos envolvidos numa corrente de “frenesim” que confere à via quotidiana um ritmo altamente acelerado, onde gerir o tempo se torna uma obrigação difícil. Este contexto retrata o dia-a-dia de inúmeras pessoas, adultos, pais que, absorvidos e preocupados em alcançar uma maior qualidade de vida para si e para aqueles que os rodeiam, se esquecem de atender e despender tempo e atenção às suas crianças. Atendendo a estes pressupostos, alcançamos a realidade dos dias de hoje: as crianças, desde cedo, permanecem nas creches horas sem fim.
As creches respondem assim, a uma necessidade cada vez maior de pais e famílias, donde advém a indispensabilidade da existência de práticas de qualidade nestes ambientes educativos.


Idade Mínima: 0
Idade Máxima: 0
Situação:
Habilitações Mínimas:
Habilitações Específicas:


Este curso centra-se na importância das creches para a educação dos bebés e crianças, proporcionando aos profissionais a aquisição e o desenvolvimento de capacidades/competências para uma intervenção de qualidade em creche.


Módulo I – Evolução e Concepções das Práticas em Creche
As Creches Antigas
A Mudança de Concepção
As Creches Modernas

Módulo II – Concepção da Criança em Creche e Suas Necessidades
Concepção da Criança em Creche
Necessidades em Creche
. Orientações Promotoras da Continuidade dos Cuidados
. Clima de Confiança com as Crianças
. Relação de Cooperação com as Crianças
. Apoio às Intenções das Crianças

Módulo III – Desenvolvimento da Criança – Competências Sensoriais e de Movimento, Competências Linguísticas e Comportamentos Afectivos e Sociais
Competências Sensoriais e de Movimento
Competências Linguísticas
Comportamentos Afectivos e Sociais

Módulo IV – Modelo de Aprendizagem Activa e Respectivos Domínios em Creche
Sentido de Si Próprio
Relações Sociais
Representação Criativa
Movimento
Música
Comunicação e Linguagem
Exploração de Objectos
Noção Precoce de Quantidade e de Número
Espaço
Tempo

Módulo V – Organização de Espaço e Materiais em Creche

Organização do Espaço em Creche
. Normas Gerais de Regulamentação
. O Espaço e o Dsenvolvimento da Criança

Equipamento para Creche
Normas Gerais de Regulamentação
O Equipamento e o Desenvolvimento da Criança
Brinquedos Essenciais ao Dia-a-Dia

Módulo VI – Organização do Tempo em Creche: Horários e Rotinas
Importância da Rotina para a Criança
A organização do Tempo no Dia-a-Dia
. Linhas Orientadoras para a Organização do Tempo
. Momentos Cruciais do Dia-a-Dia na Creche

Módulo VII – Parcerias Educadores – Pais
Parcerias Educadores-Pais
Linhas Orientadoras e Estratégias para as Parcerias

Módulo VIII – Actividades nas Práticas de Creche
Actividades para Bebés e Crianças Pequenas



4 – Formação a distância – E-learning (individual)


A avaliação do processo de formação baseia-se em três vertentes: avaliação diagnóstica (aquando do início do curso), avaliação formativa/contínua (durante o curso) e a avaliação sumativa (no final de cada módulo e/ou do curso).

A classificação final no curso resultará da média ponderada, numa escala de 20 pontos ou percentual (0 a 100%), das classificações parcelares tendo em conta os seguintes critérios e ponderações:

TF (Média simples dos testes finais relativos a cada módulo do curso e/ou trabalho final): 80%.
PS (Participação e contribuição individuais nas sessões síncronas e fóruns de discussão): 10%.
AS (Assiduidade nas sessões síncronas): 10%.


Todos os formandos que atingirem os objetivos pedagógicos definidos para o curso que frequentaram, obterão um Certificado de Formação Profissional que será emitido através da Plataforma SIGO (GEPE – Ministério da Educação), tal como previsto na Portaria nº 474/2010, de 8 de Julho. O Certificado será, posteriormente, enviado pelos CTT – Correios de Portugal, num prazo máximo de 30 dias úteis, após lançamento da nota do curso na pauta de avaliação final.


 

Partilhar