1/F – Formação Pedagógica Inicial de Formadores

300.00

Conclusão

Partilhar

Descrição

É conhecida à formação uma importância estratégica, enquanto espaço privilegiado para a aquisição de conhecimentos e saberes. Neste contexto, a qualidade dos formadores é considerada um pilar fundamental no desenvolvimento dos processos formativos. Deste modo, para garantir intervenções formativas de qualidade surgiu a obrigatoriedade da certificação profissional para todos os formadores que desenvolvessem a sua actividade.

O curso de Formação Pedagógica Inicial de Formadores assume cada vez mais importância, na medida em que é imprescindível a existência de técnicos devidamente qualificados para o desempenho da respectiva função.
A realização deste curso é condição essencial para poder dotar os participantes de novos e adequados conhecimentos, fundamentalmente ao nível das Técnicas Pedagógicas, indispensáveis ao exercício da função de Formador.


Idade Mínima: 0
Idade Máxima: 0
Situação:
Habilitações Mínimas:
Habilitações Específicas:


A formação pedagógica de formadores visa promover a aquisição, actualização e o aperfeiçoamento de competências, transferíveis para a sua prática. Estas competências situam-se ao nível da animação da formação e, também, no sentido alargado da sua função:
– na conceção e elaboração de programas de formação e de materiais pedagógicos
– na gestão e coordenação de formação
– no campo de investigação e da experimentação de novas abordagens e metodologias aplicadas a públicos e contextos diversificados, em várias modalidades da formação


NOVO REFERENCIAL
[Conforme a Portaria n.º 214/2011, de 30 de maio]
———————————————————————
Módulo 1. Formador: Sistema, Contexto e Perfil – 10 horas
Módulo 2. Simulação Pedagógica Inicial – 10 horas
Módulo 3. Comunicação e Dinamização de Grupos em Formação – 10 horas
Módulo 4. Metodologias e Estratégias Pedagógicas – 10 horas
Módulo 5. Operacionalização da Formação: Do Plano à Ação – 10 horas
Módulo 6. Recursos Didáticos e Multimédia – 10 horas
Módulo 7. Plataformas Colaborativas e de Aprendizagem – 10 horas
Módulo 8. Avaliação da Formação e das Aprendizagens – 10 horas
Módulo 9. Simulação Pedagógica Final – 10 horas



1 – Formação presencial/em sala (turma)


A avaliação, como processos sistemático, contínuo e integral deverá ocorrer em três momentos:
– Avaliação Inicial: Avaliação diagnóstica (permite identificar quais os conhecimentos e competências que os formandos possuem antes da formação)
– Avaliação contínua: Avaliação formativa e sumativa (determinar em que medida os objectivos pedagógicos foram alcançados pelo formando, permitindo a correcção do processo de ensino-aprendizagem nos seus vários aspectos)
– Avaliação final: Avaliação sumativa (constitui a finalidade clássica da avaliação e assume uma relevância tanto maior, quando é certo ser ela a responsável pela tomada de decisões de vários níveis)
A avaliação final de cada formando, determina o grau de sucesso da aprendizagem confrontando-se os resultados obtidos na avaliação contínua com os objetivos operacionais definidos a priori.
Escala de Avaliação das Aprendizagens:
Insuficiente Satisfatório Bom Relevante Excelente
0% a 49% 50% a 69% 70% a 84% 85% a 94% 95% a 100%
A avaliação final dos formandos assenta nas seguintes percentagens:
Avaliação Diagnóstica (AD):
– Simulação Pedagógica Inicial – 10%
Avaliação Sumativa (AS):
– Objetivos Pedagógicos (OP) – 30 %
– Competências Pedagógicas (CP) – 30%
– Projeto de Intervenção (PI) – 30%
Avaliação Final = (0,10 x AD) + (0,3 x AS/OP) + (0,30 x AS/CP) + (0,3 x AS/PI)]


<>[IEFP] Certificado de Autorização de Funcionamento n.º C451015 [em conformidade com a Portaria n.º 214/2011, conferindo acesso ao CCP]
Entidade Formadora Certificada pela DGERT: CONCLUSÃO – Estudos e Formação, Lda


 

Partilhar